Ce em Destaque
Crime desvendado

Polícia prende grupo envolvido em triplo homicídio em Maranguape

As investigações apontaram que o crime foi motivado pela não aceitação do término do relacionamento de um dos adolescente envolvidos

19/09/2019 10h07
Por: Redação Ceará em Destaque

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) elucidou o triplo homicídio ocorrido, no último domingo (15), em Maranguape. A ação, realizada nesta terça (17) e quarta-feira (18), resultou na captura de cinco pessoas – sendo um adolescente e quatro adultos –, além das apreensões de dois revólveres, aparelhos celulares e a quantia de R$ 3,6 mil reais.

Foram capturados: Halesson Castro de Oliveira (28), vulgo “Marreta”, que já responde por tentativa de homicídio: Luiz Victor Lucas Silva (19), vulgo “Mata rindo”, que já responde por homicídio e porte ilegal de arma de fogo; além de outros dois homens com idades de 46 e 29 anos. Estes últimos não serão identificados por conta das investigações em andamento. Também foi apreendido um adolescente de 16 anos. Ele é apontado como um dos responsáveis pelo crime.

As investigações apontaram que o crime foi motivado pela não aceitação do término do relacionamento do adolescente apreendido com Maria Fabiana Costa Ferreira (24), uma das vítimas. O adolescente não aceitou que Fabiana já estava em outro relacionamento com Wilton Mendes Agostinho (21), também vítima no crime. A mulher teria enviado um vídeo dela com o atual companheiro para o adolescente.

As vítimas, identificadas como Wilton Mendes Agostinho (21), com passagens por tráfico de droga; Francisco Adaílson Sousa Vieira (20); e Maria Fabiana Costa Ferreira (24) estavam na casa da mulher, situada no bairro Amanari, quando indivíduos armados e encapuzados invadiram o local e efetuaram disparos contra eles. Em seguida, os infratores foram para uma residência vizinha, onde Fabiana estava e lá a executaram, fugindo em seguida.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.